A admirável vida “algodão doce”…

Tive um pesadelo estranho esses dias. Eu era desabonada como mentora no projeto New Families por ter descoberto, naquele contexto, daquele “sonho”,  um ato de deslealdade do meu esposo. Algo que no pesadelo, me tornava aparentemente, por uma decisão minha, uma divorciada outra vez, considerando que lidar com a deslealdade é e sempre foi uma…

Continue lendo

Sim, a vida é uma eterna mesa de negociações…

Lidar com as diferenças em um mundo de indivíduos sempre foi um desafio para o ser humano, que por séculos, não foi realmente encarado. Honestamente. Pois lidar significa enfrentar, suportar, resolver, superar, administrar… conviver da melhor forma. Não, guerrilhar. E a guerrilha entre as diferenças fazem parte da nossa história. Talvez não tivéssemos evoluído na…

Continue lendo

Por quê dói tanto?

Tenho ouvido de muitas que o divórcio é a morte em vida. Essa frase também é minha. Tamanho estrago que causa, eu sei.  Que ele devasta razão e emoção, pois nem racionalmente se mitiga a dor deste movimento. Que deixa alguns pedaços de pessoas e afetos transformados, minguados pelo desgaste do fim, e espalhados de…

Continue lendo

Tragédia familiar

Semana difícil essa última. Escrevo em uma sexta-feira, dia quinze de março. Comecei esta semana com uma expectativa deliciosa quanto ao primeiro encontro do ano do projeto New Families, este que busca acolher e construir felicidade no depois de um divórcio, preservando o cuidado compartilhado dos filhos dessa relação. Construindo acolhida afetiva e consciência dos…

Continue lendo

Vida adulta.

De repente senti dificuldade para algumas coisas. Memória fraca, baixa capacidade de decorar números, senhas, datas de eventos e nomes. Não dormir por conta da rotina do bebê e trabalhar o outro dia todo desde cedo, mais o expediente extra da noite com três crianças, passou a me exaurir. Fui sendo tomada por um cansaço…

Continue lendo

De olhos bem abertos…

Em que ponto eu passei a prestar atenção em tudo? A amar de olhos abertos? Atenta a brisa, a um olhar caído, a agitação exacerbada de um, a mancha do olho do outro? À ansiedade, atrapalhação, hostilidade ou muita amorosidade de qualquer ser na minha casa, na minha vida? Não sei dizer o que aconteceu…

Continue lendo

Mulher separada, com filhos

Te assustei? Bom, esta sou eu, há pouco mais de um ano atrás, quando então me casei de novo e mudei meu estado civil. Esta pode ser você. Ou alguma conhecida.  Tenho conversado com dezenas de mulheres sobre relacionamento afetivo e matrimônio. Sobre recomeços no amor romântico. Natural, desde o início do projeto New Families….

Continue lendo

Cada uma com seu decote vermelho

Estava em férias, na beira da praia, quando meu marido me convidou para ouvir a entrevista da tal “deputada do decote”, em um fone de ouvidos. Aquela que se apresentou na posse do seu cargo de deputada com uma cava generosa na blusa, deixando os seios em evidência. Confesso que não acompanhei o caso nem…

Continue lendo