Pelo que você faria tudo?

Estou lendo “A arte de ligar o foda-se”, um livro indicado por uma seguidora do New Families e que me deixou curiosa. Não sou de ligar o “foda-se” facilmente, nem de usar essa expressão. Costumo ser atenta a tudo, me preocupar, levar o universo em conta, principalmente o meu universo particular. Isso não é exatamente…

Continue lendo

Filhos do Divórcio

Meus filhos maiores estão crescendo. Joana está com quase dez anos e o Joaquim com oito e meio.  Já se passaram mais de quatro anos que a nossa nova família, formada inicialmente de nós três, começou. Que eu hospedei fantasmas na minha consciência quanto à nossa dinâmica neste novo formato, e desde lá, construí cenários…

Continue lendo

A admirável vida “algodão doce”…

Tive um pesadelo estranho esses dias. Eu era desabonada como mentora no projeto New Families por ter descoberto, naquele contexto, daquele “sonho”,  um ato de deslealdade do meu esposo. Algo que no pesadelo, me tornava aparentemente, por uma decisão minha, uma divorciada outra vez, considerando que lidar com a deslealdade é e sempre foi uma…

Continue lendo

Por quê dói tanto?

Tenho ouvido de muitas que o divórcio é a morte em vida. Essa frase também é minha. Tamanho estrago que causa, eu sei.  Que ele devasta razão e emoção, pois nem racionalmente se mitiga a dor deste movimento. Que deixa alguns pedaços de pessoas e afetos transformados, minguados pelo desgaste do fim, e espalhados de…

Continue lendo