Eles sabem…

Vou falar de uma coisa louca. Do improvável reconhecimento dos filhos sobre as coisas que fazemos por eles. Sabe o que é mais legal de escrever genuinamente? Sem revisor de texto, editor chefe ou orientações de terceiros? É que eu vou vivendo a vida, aberta, e, de repente, mudo de opinião e saio do lugar…

Continue lendo

Sobre uma bicicleta amarela

Joana e Joaquim com o pai, Antonella dormindo com a sua fadinha, que a cuida como uma boneca de porcelana, e de repente, a oportunidade de passear por aí, de mãos dadas, na praia, surgiu a nossa frente. Assim como mágica. Assim, levinho, sem compromisso. Assim, como muitas vezes fizemos quando éramos dois. Ali, exaustos,…

Continue lendo

Pós-Guerra: Expectativa X Realidade

Neste canal honesto, escrevi há uma semana sobre a minha saída em férias com meus filhos e a minha expectativa de mãe quanto a este período que desejo tanto. Mas como disse, esse canal é honesto, e nele registro sentimentos reais da maternidade, que acredito serem comuns. Li outro dia que ficar com os filhos…

Continue lendo

Recomeço e o Cuidado Compartilhado

Muitas coisas morrem e nascem no divórcio. Esse é talvez um dos processos mais difíceis da vida emocional e social de uma pessoa. Ela se desmancha e se reconstitui ainda viva. Morre e nasce na mesma jornada. Porque aqui não se trata de tragédia. Não é uma fatalidade, que sorteia a alguns à um desafio…

Continue lendo